Manutenção Preventiva: entenda os benefícios e por que fazer

Imagine estar saindo para trabalhar, dar a partida no seu carro e ele simplesmente não responder… Ninguém está livre de viver essa situação, é verdade. Porém, fazer a manutenção preventiva do seu veículos é a forma mais segura de – como o nome já diz – se prevenir contra episódios como esse. 

Ainda assim, sabemos que é comum as pessoas avaliarem o estado do carro apenas quando algum problema aparece. Mas aí o estresse e o gasto desnecessário já se concretizaram e não há nada que possa ser feito. 

Por isso, tornar a manutenção preventiva parte da rotina de cuidados com o seu veículo é fundamental. Ao longo desse artigo, você vai entender por que ela é tão importante para a sua segurança e para o seu bolso.

Manutenção Preventiva vs. Manutenção Corretiva 

Antes de mais nada, precisamos entender a diferença entre manutenção preventiva e manutenção corretiva para saber como elas impactam no desempenho do seu veículo e no investimento financeiro.

A manutenção preventiva tem como objetivo evitar problemas e falhas mecânicas em um veículo. Para isso, uma série de análises e acompanhamentos são feitas periodicamente para identificar possíveis problemas, desgastes ou necessidade de troca. A manutenção pode ser feita de acordo com as orientações previstas no Manual do Proprietário do veículo. 

Por outro lado, a manutenção corretiva é aquela que precisa ser feita normalmente com urgência, para reparar alguma função do carro que parou de funcionar ou não está funcionando de maneira adequada. 

Normalmente, a manutenção corretiva tem custos mais altos e dependendo do tamanho do problema, pode fazer com que você fique alguns dias sem o seu carro. Por esse e outros motivos é que a manutenção preventiva é tão importante. 

5 benefícios da manutenção preventiva 

1. Previsibilidade

Todas as peças do seu carro possuem vida útil pré-definida, o que possibilita o acompanhamento de uso e a identificação de desgastes. Assim, você pode trocar as peças antes que seja tarde demais, evitando danos mais pesados à mecânica do seu carro e ao seu bolso. 

Além disso, ao contar com a experiência de um consultor técnico especializado na mecânica do seu veículo, ele irá identificar com antecedência possíveis problemas como desalinhamentos, problemas na suspensão ou o momento certo de fazer a troca de alguma peça. 

Somando tudo isso ao cronograma de revisões que consta no Manual do Proprietário, você tem mais previsibilidade sobre quando fazer a manutenção preventiva, além de poder se planejar financeiramente. 

balanceamento do veículo

2. Redução de custos

Se tem um motivo que deveria convencer você de vez a fazer a manutenção preventiva do seu carro, esse motivo é a redução de custos. Ao fazer a manutenção, o impacto financeiro ocorre por que:

  • carros com problemas mecânicos consomem mais combustível e o desgaste das peças acontece mais rápido; 
  • como vimos antes, manutenções corretivas são mais caras que as preventivas. 

Só pra exemplificar, fazer o alinhamento e o balanceado dos pneus sai muito mais barato do que comprar um jogo completo de pneus, não é mesmo? 

3. Maior segurança 

Veículos sem manutenção podem ser um perigo para o motorista e para todo mundo que também está no trânsito. Lembre-se que seu carro foi feito para funcionar de forma conjunta. Se uma peça para de funcionar, isso pode afetar o funcionamento do carro como um todo. 

Sem contar que seu carro será uma verdadeira caixinha de surpresas! É claro que imprevistos acontecem com qualquer veículo, mas com a manutenção em dia você pode evitar pneus furados ou uma pane nos freios bem na hora do rush! 

4. Melhor desempenho do veículo

Todo ano você faz aquele check-up com seu médico de confiança para saber se está tudo bem com a sua saúde. Pense na manutenção como um check-up periódico para que o seu carro – assim como você – esteja na melhor forma possível. 

Assim, você garante que o veículo tenha o melhor desempenho possível, com todas as peças em pleno funcionamento, garantindo viagens tranquilas e seguras. E claro, impactando positivamente no seu bolso, com menos gastos com combustíveis ou problemas inesperados.

5. Preservação do veículo

Por fim, outro ganho com a manutenção preventiva é a preservação do veículo. Ao manter os cuidados do seu veículo em dia, você evita o envelhecimento físico do carro. Tanto a parte interna como externa ganham mais atenção e cuidados. 

Sem contar que ao seguir um cronograma de manutenções preventivas e das revisões de fábrica, você mantém o veículo bem valorizado para negociações futuras, como por exemplo, usá-lo na troca por um novo modelo. 

cuidados com a lataria do seu veículo

Qual a hora certa de fazer a manutenção? 

A recomendação é que a manutenção preventiva seja feita no mínimo de 6 em 6 meses e no máximo, anualmente. Além disso, confira sempre o calendário de revisões que consta no seu Manual do Proprietário.

E claro, conte sempre com técnicos de confiança e especializados no seu veículos. Aqui na Fiat Duna, nossos consultores possuem treinamento especial para cuidar do seu Fiat como ninguém. 
Então já sabe, na hora de fazer a manutenção do seu Fiat, deixe nas mãos de quem entende. E para facilitar ainda mais, você pode acessar o nosso site e agendar seus serviços com apenas um clique. Fácil, fácil! #VemPraDuna